Comunicação Social do MPPR

Planejamento Institucional

05/06/2017

Gempar 2018 – Comitê de Gestão Estratégica do MPPR define metodologia para revisão de planejamento institucional


O Comitê de Gestão Estratégica do MPPR deliberou na última quinta-feira, 1º de junho, em reunião ordinária realizada em Curitiba, qual será o encaminhamento principal para o processo de revisão do Projeto Gestão Estratégica do Ministério Público do Paraná – Gempar 2018, que deve ser atualizado para o próximo ano. Foi definida como prioritária a fixação de indicadores de atuação e resultado sobre as ações institucionais, em processo que terá a participação de membros e servidores da instituição. O encontro foi presidido pelo procurador-geral de Justiça, Ivonei Sfoggia.

A necessidade de alinhar a metodologia a ser adotada para a atualização do Gempar 2018 foi apresentada pelo subprocurador-geral de Justiça para Assuntos de Planejamento Institucional, Marcos Bittencourt Fowler. “Estamos encerrando um ciclo do planejamento para redefinir o que faremos daqui para frente, enquanto instituição. Nesse sentido, é fundamental termos bem delimitados quais os indicadores que serão adotados para nos orientarem nesse processo”, diz. Ele explicou que o MPPR tem 73 indicadores fixados nos últimos anos, a partir do início do Gempar 2018, em 2009. “Precisamos ajustar esses parâmetros dentro da nossa realidade hoje, ver o que realmente funciona, o que é de fato passível de aferição e o que pode ser abandonado”, afirma.

Após discussões, foi estabelecido que a Subplan fará uma análise prévia desses indicadores, fazendo os ajustes necessários como, por exemplo, eliminando parâmetros que, na prática, verificaram-se inviáveis. Na sequência, o CGE se reunirá novamente para definir uma nova relação de indicadores de atuação e resultados. Essa lista será então debatida com os Grupos de Estudo do MPPR, em todo Estado e, ao final, estabelecida oficialmente, em um seminário com a participação de membros e servidores. “Nossa intenção é fazer tudo com muita clareza, tendo sempre como objetivo maior o avanço institucional para melhor servir à população paranaense”, diz o procurador-geral de Justiça, Ivonei Sfoggia.

Além do procurador-geral de Justiça e do subprocurador-geral de Justiça para Assuntos de Planejamento, participaram da reunião o subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Jurídicos, Eliezer Gomes da Silva; o corregedor-geral do MPPR, Arion Rolim Pereira; o procurador de Justiça Valmor Antonio Padilha, representando o Colégio de Procuradores de Justiça; o procurador de Justiça Moacir Gonçalves Nogueira Neto, representando o Conselho Superior do Ministério Público; a diretora do Departamento de Planejamento e Gestão da Subplan, Denise Ratmann Arruda Colin; o diretor-secretário da PGJ, promotor de Justiça Francisco Zanicotti; o coordenador do Ceaf, promotor de Justiça Eduardo Cambi; os promotores de Justiça Fernando da Silva Matos e Willian Buchmann, assessores de gabinete da PGJ; e o promotor de Justiça Murilo Cézar Soares e Silva, assessor da Subplan.


Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem