Criminal

05/12/2022

MP oferece denúncia criminal contra agressor de músico negro em Curitiba

Expresso MP

     

     

O Ministério Público do Paraná, por meio da 4ª Promotoria de Justiça de Crimes Dolosos Contra a Vida, denunciou criminalmente o homem identificado como agressor de um músico negro em Curitiba. O crime aconteceu em 22 de novembro em uma rua no Centro da capital e foi filmado por câmeras de segurança – as imagens repercutiram nacionalmente na imprensa e nas redes sociais. O MPPR sustenta a prática de duas tentativas de homicídio triplamente qualificado e injúria racial. Além do músico, ele agrediu outro homem, também em uma rua central de Curitiba.

Nos dois casos, o agressor utilizou uma tonfa, um tipo de cassetete, desferindo vários golpes nas vítimas, que não tinham como se defender. Em ambas as tentativas de homicídio, o Ministério Público reforça que o agressor agiu “sem qualquer justificativa, motivado por ódio e intolerância contra a minoria”. Como qualificadoras, a Promotoria sustenta motivo torpe, meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa das vítimas. No caso do músico, ele ainda fez diversas ofensas de caráter racista, sendo por isso denunciado também por injúria racial.

Prisão – O processo deve tramitar na 2ª Vara Privativa do Tribunal do Júri de Curitiba. O MPPR requereu também a manutenção da prisão preventiva do denunciado, sustentando no pedido “a periculosidade do autor, com desvalor de sua conduta, que extrapola o tipo penal, e possibilidade de reiteração criminosa, tal qual se verifica no caso em apreço” considerando por isso que “se faz indispensável a decretação da prisão preventiva para garantia da ordem pública.”

 

Informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
comunicacao@mppr.mp.br
(41) 3250-4469

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem