Comunicação Social do MPPR

Institucional

03/11/2010

Saúde Mental da População em Situação de Rua será tema de encontro no MP-PR

O Ministério Público do Paraná – por meio do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça dos Direitos Constitucionais e do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional – junto com o Movimento Nacional da População de Rua (MNPR) e com as demais entidades participantes do Grupo de Trabalho de Inclusão Social da População em Situação de Rua, promoverá encontro sobre a “A Saúde da População em Situação de Rua, com foco em Saúde Mental”, na sexta-feira, 12 de novembro, das 9h às 12h, no Auditório Ary Florêncio Guimarães, na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, na Rua Marechal Hermes, nº 751, no Centro Cívico, em Curitiba.

O objetivo do evento, que terá a participação de representantes do Ministério da Saúde, é promover a discussão sobre os programas e projetos do Ministério voltados para o atendimento da população em situação de rua, em especial o “Consultório de Rua”, na perspectiva de assegurar a efetividade de acesso desse público às ações desencadeadas no contexto do Plano Integrado de Enfrentamento ao Crack e outras Drogas no Estado do Paraná. As inscrições para o encontro são gratuitas e podem ser realizadas online (clique aqui). O evento também será transmitido pela webcast (internet), no site www.mppr.mp.br. Para aqueles que acompanharem as discussões pela internet haverá a possibilidade do envio de perguntas para o e-mail constitucional@mppr.mp.br.

Programação - A abertura do encontro, no dia 12, será às 9 horas, seguindo-se um painel sobre “Políticas Públicas de Saúde para a População em Situação de Rua, com foco em Saúde Mental”, que terá como moderador Leonildo José Monteiro, representante do MNPR no Paraná. A palestrante será Miriam Di Giovanni, assessora técnica da área de Saúde Mental, Álcool e outras Drogas, do Ministério da Saúde. Mais tarde, às 10h50, gestores municipais de Curitiba e de Maringá apresentarão experiências locais, avanços e desafios enfrentados nas duas cidades, abrindo-se em seguida espaço para formulação de perguntas e debates entre os participantes. Mais informações podem ser obtidas junto ao CAOP dos Direitos Constitucionais, pelos telefones (41) 3250-4043, 3250-4014 ou 3250-4041.

O Movimento Nacional da População de Rua (MNPR) conta com o apoio e participação sistemática do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça dos Direitos Constitucionais, da Fundação 4 Pinheiros, do Sindicato dos Trabalhadores do Correio, do Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba, do Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Paraná, do Sindicato dos Bancários de Curitiba, da Câmara de Vereadores de Curitiba, do Instituto de Defesa dos Direitos Humanos – IDEHHA, do Conselho Regional de Serviço Social – CRESS, do Conselho Regional de Psicologia (CRP), da Pastoral do Povo de Rua, da Universidade Federal do Paraná, da Central Única dos Trabalhadores – CUT e de um grande número de outras entidades com participações eventuais, cujo apoio também é fundamental para consolidação do processo de organização.
Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem