Comunicação Social do MPPR

Institucional

19/06/2018

Quatro novos promotores substitutos são empossados no MPPR

Quatro novos promotores substitutos foram empossados no Ministério Público do Paraná nesta segunda-feira, 18 de junho. Caio Hideki Kusaba, Jarlene Aparecida Bandoli Monteiro, Teilor Santana da Silva e Renan Guilherme Góes de Lima foram aprovados no último concurso público realizado pela instituição, homologado em 2017. Membros, servidores, amigos e familiares dos empossados participaram da cerimônia, realizada no auditório do edifício-sede da instituição, em Curitiba.

Conheça os quatro novos promotores substitutos.

O procurador-geral de Justiça, Ivonei Sfoggia, presidindo a sessão solene, fez menção ao atual cenário político e social do país, destacando a responsabilidade dos membros da instituição com a defesa da ordem democrática. “Observa-se que o Ministério Público e a sociedade brasileira enfrentam até mesmo o pensamento arcaico e rudimentar acerca da necessidade de uma intervenção militar. Deixa-se claro que o Ministério Público jamais admitirá investidas antidemocráticas. A Constituição Federal inaugura um novo Estado Democrático de Direito a contemplar uma sociedade plúrima e igual, além de submeter as próprias instituições e governantes às conformações dadas pela norma jurídica”, afirmou. Aos novos ingressantes no MPPR, Ivonei Sfoggia ressaltou o que considera ser o maior desafio institucional: “Tornar o Ministério Público gradativamente mais eficiente no exercício do seu papel de fortalecer o sistema democrático e a justiça nas relações sociais”, finalizou.

Em nome da Associação Paranaense do Ministério Público (APMP), o promotor de Justiça e diretor-secretário da Procuradoria-Geral de Justiça, Francisco Zanicotti, fez um convite aos novos membros, destacando a importância da função assumida. “Vivemos em uma democracia, em que o soberano a quem devemos servir é o povo brasileiro, que vocês encontrarão diariamente nas comarcas onde atuarão. E como membros do Ministério Público, detentores de parcela do poder do estado, temos uma função que deve ser gerida não como um mero cargo público, mas como uma missão de vida. E esse é o convite que faço a vocês: que tomem o caminho do extraordinário. Assim, vocês honrarão essa instituição e, principalmente, honrarão o povo que colocou essa beca em vocês”, pontuou.

O promotor substituto Caio Hideki Kusaba discursou em nome dos recém-empossados e falou sobre a expectativa e o desejo de mudança que fazem parte desse momento. “Essa esperança, aliada à vontade de fazer algo diferente a essa série de injustiças que assola nosso país, nos motivou a perseguir o cargo de promotor de Justiça, e nos trouxe o desejo de fazer parte do Ministério Público do Paraná. Eu e os demais colegas aqui presentes almejamos essa transformação social, a superação das desigualdades sociais e o combate efetivo à criminalidade. Por isso, estabelecemos como meta em nossas vidas nos tornarmos promotores de Justiça e, por isso, enxergamos este dia como uma data muito especial para nós, um verdadeiro divisor de águas em nossas vidas”, afirmou.

Autoridades – A mesa solene da cerimônia foi composta ainda pelo subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Jurídicos, Eliezer Gomes da Silva, o subcorregedor-geral do MPPR, o procurador de Justiça Antônio Carlos Staut Nunes, o ouvidor-geral da instituição, Ney Roberto Zanlorenzi, o procurador de Justiça e ex-procurador-geral Olympio de Sá Sotto Maior Neto, o defensor público-geral do Paraná, Eduardo Pião Ortiz Abraão e o promotor de Justiça Edvaldo José de Lima, que atua em Londrina e é pai de um dos empossados.

Os novos membros ingressam após o último concurso público realizado pelo MPPR, que contou com 3.094 candidatos inscritos, dos quais 47 foram aprovados, os novos promotores Caio Hideki Kusaba, Jarlene Aparecida Bandoli Monteiro, Teilor Santana da Silva e Renan Guilherme Góes de Lima atuarão, respectivamente, nas comarcas de Irati, Castro, Assaí e Iporã.

Informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
(41) 3250-4264

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem