Comunicação Social do MPPR

Consumidor

16/08/2018

Ministério Público do Paraná sedia nesta semana reunião nacional da Comissão Permanente de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios

O Ministério Público do Paraná sedia nesta semana, em sua sede em Curitiba (Rua Marechal Hermes, 751, Centro Cívico), reunião nacional da Comissão Permanente de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios, mantida pelo Conselho Nacional de Procuradores-Gerais de Justiça. O evento começa na manhã de sexta-feira (17) e seguirá até domingo (19), quando os participantes verificarão o processo de entrada por biometria no estádio do Clube Atlético Paranaense – a equipe receberá o Flamengo em jogo do Campeonato Brasileiro de Futebol. Participam do evento cerca de 20 representantes dos Ministérios Públicos de 13 estados.

A Comissão reúne-se regularmente, quatro vezes por ano, e desta vez se encontrará em Curitiba para que os seus membros possam conhecer o sistema de controle biométrico de ingresso no estádio do Atlético Paranaense, que pode servir de modelo para outros estádios, garantindo maior segurança nos eventos esportivos.

A programação será aberta às 9 horas de sexta-feira pelo procurador-geral de Justiça do MPPR, Ivonei Sfoggia, e pelo coordenador da comissão, Valberto Cosme de Lira, procurador de justiça do Ministério Público da Paraíba. Em seguida, das 9h30 às 10h30, o juiz-auxiliar da vice-presidência do Tribunal de Justiça do Paraná, Ricardo Henrique Ferreira Jentzsch, falará sobre a participação do TJPR na implantação do sistema de controle biométrico de entrada no estádio do Clube Atlético Paranaense. Representante do clube apresentará, das 10h30 às 11h30, o projeto de cadastramento biométrico adotado pelo Atlético-PR. O clube foi pioneiro no país na adoção de um sistema biométrico de controle de entrada para todos os torcedores, integrado ao sistema de identificação da Secretaria de Estado de Segurança Pública. A integração já possibilitou inclusive a prisão de pessoas com mandados de prisão pendentes que tentaram ingressar no estádio.

À tarde, a partir das 14 horas, os participantes seguirão para o estádio do Atlético-PR para fazer o registro biométrico que lhes garantirá acesso ao jogo de domingo. Das 15h30 às 17h30, está programada uma mesa-redonda com representantes do Ministério dos Esportes e da Confederação Brasileira de Futebol.

No sábado, o período da manhã está reservado para reunião interna dos membros da Comissão. À tarde, a partir das 14 horas, os participantes visitarão o estádio do Coritiba Football Club. A programação terminará com a ida de todos ao estádio do Atlético-PR, na manhã de domingo, quando conhecerão a Arena atleticana e poderão observar a movimentação das torcidas e seu comportamento frente ao sistema biométrico, bem como a forma como se dá a entrada dos torcedores no estádio e eventuais ocorrências.

A Comissão – A Comissão Permanente de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios foi criada pelo CNPG em 2006, com o objetivo de intervir em questões como a redução da violência nos estádios de futebol e na melhoria de segurança das instalações físicas dos estádios. O grupo passou a intervir junto ao poder público estadual, federações, clubes e torcidas, com a finalidade de tutelar de forma preventiva a integridade física e a saúde dos torcedores que frequentam os eventos esportivos. Saiba mais clicando aqui.

Informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
(41) 3250-4249

 

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem