Comunicação Social do MPPR

Institucional

04/07/2012

04/07/2012 - LONDRINA - MP-PR denuncia vereador por propaganda eleitoral antecipada

O Ministério Público Eleitoral, em Londrina, ofereceu na última terça-feira (3), representação contra o vereador Rony dos Santos Alves, por ato de propaganda antecipada. A representação foi recebida nesta quarta-feira (4) pelo Juízo da 157ª Zona Eleitoral de Londrina, que determinou a notificação do vereador, para em 48 horas apresentar defesa.

Segundo a representação, feita pela promotora eleitoral Maisa Aparecida de Araujo, o ato de propaganda antecipada teria sido configurado pelo envio de correspondências por meio de mala direta domiciliária aos moradores da região oeste de Londrina, com carimbo da Câmara Municipal.

Nos informativos enviados, segundo a ação, Rony Alves promove obras realizadas a seu pedido e invoca a necessidade de continuação de seu trabalho no legislativo municipal. Em resposta a uma requisição enviada pela Promotoria, o presidente da Câmara de Vereadores de Londrina, Gerson Araújo, informou que entre abril e junho deste ano, o gabinete do vereador Rony Alves encaminhou mil correspondências aos moradores, somando R$ 180,00.

Segundo a promotora, “embora as cartas não contenham pedido expresso de voto, revela-se evidente ação preordenada a alavancar pretensões políticas do representado nas eleições municipais a serem realizadas em outubro próximo”.

O MP-PR pede que, em caso de condenação, seja aplicada a multa máxima prevista para esses casos, que é de R$ 25 mil.
Para a íntegra da representação, clique aqui.
Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem