Comunicação Social do MPPR

Institucional

05/11/2014

Programação cultural marca as comemorações do Dia do Servidor em Curitiba. Veja as fotos.

Dia do Servidor

Com variada programação cultural, foram realizadas, na capital e em outras sete comarcas do interior do Estado, atividades em comemoração ao Dia do Servidor. Em sua quarta edição, o evento interno contou com mais de 550 participações, somente em Curitiba, onde o destaque foi a realização da primeira Feira do Livro, que envolveu a doação e troca de mil exemplares e a participação de membros, servidores, estagiários e colaboradores terceirizados da Instituição. Durante a feira, foram arrecadados, ainda, mais de 200 litros de leite para doação a entidades beneficentes.

No interior do Estado, também foram realizadas atividades em sete comarcas: Arapongas, Cascavel, Francisco Beltrão, Guarapuava, Londrina, Maringá e Ponta Grossa. Veja como foi a comemoração em cada cidade.

Confira, abaixo, a cobertura fotográfica do evento em Curitiba.


Abertura – Logo no início da manhã do dia 30, os integrantes do MP foram recebidos, em Curitiba, com a abertura da primeira Feira do Livro, realizada no edifício-sede da Instituição. Durante a atividade, os músicos Clóvis e Simone (violão e flauta) fizeram uma apresentação.

O Coral MP Encanta, formado por membros e servidores da Instituição, deu início à solenidade oficial de abertura, no auditório do edifício-sede. A apresentação foi seguida pela mensagem do procurador-geral de Justiça Gilberto Giacoia, que proferiu palavras de agradecimento a todos os integrantes do Público do Paraná. “Vivemos boa parte de nossas vidas em nosso ambiente de trabalho. E isso tem que se dar com momentos de felicidade, como o que estamos vivendo agora. Uma felicidade a partir do outro, do reconhecimento do trabalho realizado por todos”, disse o procurador-geral, em cerimônia transmitida ao vivo (via webcast), para todo o Estado.

Durante a solenidade, três integrantes da Instituição deram depoimentos sobre o papel do MP em suas vidas. O primeiro a falar foi o procurador de Justiça Moacir Gonçalves Neto. Ele relatou que a vontade de fazer algo em benefício da sociedade o conduziu à Instituição e que, em momento algum, se arrependeu desta escolha. Em seguida, a assistente Julia Del Valle Manez, que é argentina de nascimento e brasileira de coração (ela tem a cidadania brasileira), falou de sua trajetória na Instituição. Por fim, fez seu depoimento a estagiária Juliana Maciel, que ressaltou estar vivendo a oportunidade ímpar de pertencer a uma Instituição séria e competente, à qual, um dia, pretende voltar.

Encerrados os depoimentos, os participantes foram homenageados com uma apresentação do Quarteto de Cordas, do Observatório das Artes, formado pelos músicos Juliane Weingartner, Bettina Jucksch (ambas nos violinos), Fernando Rech (viola) e Romildo Weingartner (violoncelo).

Mais cultura – Outras duas apresentações culturais e artísticas foram reservadas para o período da tarde. A primeira foi da Banda Lyra Curitibana, que trouxe ao MP quase 20 músicos, que abriram a programação, com repertório alegre e variado. As duplas de bailarinos Cláudio Lima e Regina Montticelli e Carlos Junior e Marianna Dallastela, do “Dance Sempre Estúdio de Danças de Salão”, apresentaram, por sua vez, números de bolero, samba e valsa.

Palestras e oficina – Três palestras e uma oficina foram realizadas. A primeira palestra, mediada por Liziana Rodrigues, abordou, de maneira lúdica e didática, as dificuldades encontradas no ambiente de trabalho. Com a participação do público e da atriz Vincenza Bonacorsi, Liziana encenou situações típicas do dia-a-dia e mostrou como é possível encontrar equilíbrio através da flexibilidade, tolerância e paciência.

Em outra palestra, o professor André Hayashi, especialista em mercado financeiro, deu dicas de investimentos aos participantes e falou sobre juros de poupança, previdência privada e títulos públicos. Também contou o “segredo” para evitar dívidas: reeducação financeira familiar. Também no período da tarde, ocorreu a oficina “Descomplicando o vinho”, com a sommelière Tháys Ferrão. Na atividade, foram esclarecidos vários pontos sobre a apreciação do vinho e sobre a harmonização da bebida com saladas, massas e sobremesas. O material utilizado durante a oficina está disponível, em forma de apostila. Clique aqui para acessá-lo.

Cinema – A última exposição foi feita pelo crítico Marden Machado, que falou sobre o “Cinema pelo Mundo”. Durante a explanação, o especialista apresentou trechos e comentou filmes representativos de países que são destaque na produção cinematográfica mundial.

Recordação especial – No período da tarde, os integrantes da Instituição foram recebidos com a cabine fotográfica, espaço onde todos os interessados puderam tirar fotos, individuais ou em grupo, com vários adereços, e com a entrega de quatro cópias por sessão, para guardar de lembrança. Ao total, 110 sessões fotográficas foram feitas – cada uma reuniu entre um e dez participantes.

Promoção – O Dia do Servidor é uma promoção da Procuradoria-Geral de Justiça, por meio da Assessoria de Comunicação, com o apoio do CEAF, da SUBADM, do Cerimonial e do Grupo de Mobilizadores de Comunicação. O evento faz parte do Plano Diretor de Comunicação e se insere nos objetivos estratégicos de aprimorar os processos de comunicação interna e fortalecer a Instituição por meio da integração.

Patrocínio – O Dia do Servidor conta com o patrocínio da Caixa Econômica Federal, Cooperativa de Crédito Sicredi-Credjuris, Associação Paranaense do Ministério Público (APMP) e Associação dos Servidores do Ministério Público do Paraná (ASSEMPPR).



Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem