Comunicação Social do MPPR

Institucional

14/11/2014

14/11/2014 - UMUARAMA - Homem é condenado por tentativa de homicídio, em episódio de violência doméstica

O Tribunal do Júri de Umuarama (Noroeste do Estado) condenou um homem à pena de seis anos de reclusão, pelo crime de tentativa de homicídio qualificado, por motivo fútil. O agressor usou um punhal para tentar matar a ex-companheira, que se recusava a reatar o relacionamento com ele.

O Ministério Público da comarca, autor da denúncia contra o réu, relata que o fato ocorreu na noite de 21 de abril de 2012. Na época, a mulher estava sob o amparo de medida protetiva concedida com base na Lei Maria da Penha. Mas o agressor descumpriu a medida, aproximou-se dela e a golpeou com punhal, logo após a vítima se recusar a conversar com ele.

O Conselho de Sentença foi composto por seis mulheres e um homem. O Ministério Público foi representado pela promotora de Justiça Sílvia Leme Corrêa, que aproveitou a ocasião para promover a conscientização a todos os presentes sobre a origem, o histórico e a importância da Lei Maria da Penha, assim como a necessidade de proteção à vítima pela punição do agressor, de forma a evitar reincidência das agressões. Essa lei entrou em vigor no ano de 2006 e tem por objetivo aumentar o rigor das punições aos homens que agridem física ou psicologicamente a uma mulher (na maioria das vezes a esposa).

Informações para a imprensa com:
Assessoria de Comunicação
Ministério Público do Paraná
(41) 3250-4228 / 4226 / 4439
Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem