Curso de Capacitação em Tabelas Unificadas

Data 05/12/2014 | Assunto:  Planejamento Institucional

Tabelas UnificadasO Conselho Nacional do Ministério Público - CNMP, em parceria com o Ministério Público do Estado do Paraná, por meio da Subprocuradoria-Geral de Justiça para Assuntos de Planejamento Institucional - SUBPLAN, do Comitê Gestor Estadual de Tabelas Unificadas do MPPR e do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional - CEAF, promoverá o “Curso de Capacitação em Tabelas Unificadas”.



Tabelas Unificadas
O Conselho Nacional do Ministério Público - CNMP, em parceria com o Ministério Público do Estado do Paraná, por meio da Subprocuradoria-Geral de Justiça para Assuntos de Planejamento Institucional - SUBPLAN, do Comitê Gestor Estadual de Tabelas Unificadas do MPPR e do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional - CEAF, promoverá o “Curso de Capacitação em Tabelas Unificadas”, com a abertura solene no dia 11 de dezembro, às 15h, no Auditório Ary Florêncio Guimarães, na sede do MPPR.

A solenidade de abertura contará com a presença do procurador-geral de Justiça do Paraná, Gilberto Giacoia, do Conselheiro do CNMP, Cláudio Henrique Gonçalves Portela, do corregedor-geral do MPPR, Arion Rolim Pereira, do Subprocurador-Geral de Justiça para Assuntos de Planejamento, Bruno Sérgio Galati, da Coordenadora CEAF/MPPR, Samia Saad Gallotti Bonavides, além de convidados, membros e servidores do MPPR.

Segundo o Subprocurador-Geral de Justiça para Assuntos de Planejamento, Bruno Sérgio Galati, “O projeto Tabelas Unificadas tem como proposta central a integração do Ministério Público, por meio da unificação e a construção das terminologias utilizadas na atuação ministerial. Regidas pela resolução nº 63/2010, do Conselho Nacional do Ministério Público - CNMP, as Tabelas Unificadas pretendem, também, facilitar o fluxo de informações entre o Ministério Publico e o Poder Judiciário, e o acesso e uso das informações relativas à atuação dos membros e servidores nos procedimentos extrajudiciais e nos processos judiciais. A iniciativa permite um maior planejamento da atuação, além de facilitar a avaliação de resultados e dar a possibilidade ao Ministério Público de discutir políticas públicas com diversos setores da sociedade. Também é possível identificar os principais temas submetidos à investigação e atuação do Ministério Público, permitindo a adoção de medidas que previnam novos conflitos e novas demandas judiciais. A padronização possibilita a coleta de dados uniformes, em nível nacional, das diversas formas de atuação de todo o Ministério Público, permitindo uma prestação de contas à sociedade brasileira da nossa atuação.”

Saiba mais sobre a implantação do projeto Tabelas Unificadas no site do CNMP.







Está notícia foi publicada no Central de Comunicação Social do MPPR https://comunicacao.mppr.mp.br

Endereço desta notícia:
https://comunicacao.mppr.mp.br/modules/noticias/article.php?storyid=10141