Após encontrar focos de mosquito da dengue, Promotoria de Imbituva propõe ação para resolver situação de veículos em pátios de delegacias

Data 08/03/2019 | Assunto: Saúde

Vistoria realizada por equipes de Combate à Endemias do Município de Ivaí constatou a presença da forma imatura (larva) de Aedes aegypti em uma das motocicletas encontradas no local.

No município de Imbituva, no sudeste paranaense, o Ministério Público do Paraná ajuizou ação civil pública contra o Estado para que adote as providências necessárias para a destinação de veículos que se encontram em pátios de delegacias de polícias de Imbituva e Ivaí, município integrante da comarca. A ação foi ajuizada a partir da verificação de que, sem receber qualquer tipo de manutenção ou cuidado, os veículos tornam-se criadouros de animais nocivos à saúde da população. Liminarmente, o MPPR requer que seja determinada a alienação antecipada dos veículos apreendidos.

De acordo com a Vigilância Sanitária dos Municípios, a existência de veículos antigos nos pátios favorece a procriação de mosquitos transmissores de doenças como dengue, zika, chikungunya e febre amarela e de outros animais nocivos à saúde humana (como ratos e afins). O risco é ainda maior no período quente e com forte incidência de chuvas, condição propícia para a eclosão de ovos dos insetos: em vistoria realizada por equipes de Combate à Endemias do Município de Ivaí, inclusive, foi constatada a presença da forma imatura (larva) de Aedes aegypti em uma das motocicletas encontradas no local.

No mérito da ação, é requerida pela Promotoria de Justiça que o Estado promova as adequações necessárias nos pátios para depósitos de veículos ou remova-os para local adequado.

(Autos: 0003900-58.2018.8.16.0092)

 

Informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
(41) 3250-4264






Está notícia foi publicada no Central de Comunicação Social do MPPR https://comunicacao.mppr.mp.br

Endereço desta notícia:
https://comunicacao.mppr.mp.br/modules/noticias/article.php?storyid=21323