Livro Tecendo Redes, voltado à proteção da infância, é lançado no MP-PR

Data 30/09/2014 | Assunto: Institucional

Tecendo RedesSeminário alusivo ao lançamento do livro "Tecendo Redes – Fortalecimento das redes de proteção à infância e à adolescência no Paraná" foi realizado nesta quinta-feira, 2 de outubro, no auditório do edifício-sede do MP-PR, em Curitiba. A publicação, que é fruto de parceira entre a Instituição e o Centro Marista de Defesa da Infância, apresenta os resultados de dois anos do projeto. A programação incluiu exposições sobre funcionamento, desafios, aspectos jurídicos e experiência das redes.

Seminário alusivo ao lançamento do livro "Tecendo Redes – Fortalecimento das redes de proteção à infância e à adolescência no Paraná" foi realizado nesta quinta-feira, 2 de outubro, no auditório do edifício-sede do MP-PR, em Curitiba. A publicação, que é fruto de parceira entre a Instituição (por meio do Centro de Apoio às Promotorias de Justiça da Criança e Adolescente e da Educação) e o Centro Marista de Defesa da Infância, apresenta os resultados de dois anos do projeto. 

O livro, que será distribuído gratuitamente, fornece subsídios para que cada município possa organizar sua rede, oficializá-la e formalizá-la como parte da política pública de promoção e defesa dos direitos de crianças e adolescentes. O evento de lançamento da obra incluiu exposições sobre funcionamento, desafios, aspectos jurídicos e a experiência das redes.

Objetivos
– O projeto Tecendo Redes tem por objetivo sensibilizar e capacitar os atores do Sistema de Garantia de Direitos – com atuação junto aos Conselhos Tutelares e de Direitos da Criança e do Adolescente, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Centro de Referência em Assistência Social (Cras), escolas etc. –, para implementar e aperfeiçoar o funcionamento das redes municipais de proteção e atendimento à infância e à adolescência no Paraná, de modo que possam somar esforços na busca da proteção integral infanto-juvenil.

Para os interessados, o Caop da Criança e Adolescente e da Educação está disponibilizando também material adicional sobre o processo de implementação e operacionalização das redes municipais de proteção à criança e ao adolescente. O conteúdo pode ser acessado na página do Caop na internet, onde há um tópico específico sobre o assunto.

Palestras – Entre os palestrantes do evento, o primeiro a falar foi o procurador de Justiça Murillo José Digiácomo, coordenador do Caop da Criança e do Adolescente e da Educação, que abordou o tema “Redes municipais de proteção dos direitos da criança e do adolescente”. Na sequência, o professor Jelson Oliveira, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Pontifícia Universidade Católica do Paraná falou sobre o tema “Nós da rede: desafios éticos da sociedade enredada”; a professora Angela Mendonça, coordenadora de cursos de especialização e Diretora de Proteção Social Especial da Fundação de Ação Social de Curitiba, tratou do tema “Tecendo Redes: da imposição jurídica à condição ética da gestão pública”; e, por fim, o promotor de Justiça Júlio Ribeiro de Campos Neto, que atua em União da Vitória, com atribuição na área da criança e do adolescente, apresentou uma “Experiência bem sucedida de trabalho em rede, com participação do Ministério Público Estadual”.

Confira, abaixo, a programação completa do evento:
09h00 - Abertura

09h15 - Redes municipais de proteção dos direitos da criança e do adolescente
Dr. Murillo José Digiácomo, Procurador de Justiça, Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça da Criança, do Adolescente e da Educação, Curitiba.

10h00 - Nós da rede: desafios éticos da sociedade enredada
Dr. Jelson Oliveira, Doutor em Filosofia, Professor e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba.

10h40 - Tecendo Redes: da imposição jurídica à condição ética da gestão pública
Profª. Angela Mendonça, Pedagoga e Bacharel em Direito, Coordenadora de cursos de especialização e Diretora de Proteção Social Especial da Fundação de Ação Social de Curitiba.

11h20 - Experiência bem sucedida de trabalho em rede, com participação do Ministério Público Estadual
Dr. Julio Ribeiro de Campos Neto, Promotor de Justiça com atribuição na área da criança e do adolescente, Comarca de União da Vitória.

12h00 - Encerramento

Tecendo Redes
30/09/2014





Está notícia foi publicada no Central de Comunicação Social do MPPR https://comunicacao.mppr.mp.br

Endereço desta notícia:
https://comunicacao.mppr.mp.br/modules/noticias/article.php?storyid=4850